Câmara do TCE-PB vota pela reprovação das contas da CMCG sob presidência de Ivonete Ludgério – André Gomes
Siga nas redes sociais

Política

Câmara do TCE-PB vota pela reprovação das contas da CMCG sob presidência de Ivonete Ludgério

Com base no que foi apurado pela auditoria do Tribunal de Contas, também foi imposta uma multa a gestora no valor de R$ 2 mil

Foto: Reprodução

A Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) decidiu pela reprovação das contas da Câmara Municipal de Campina Grande (CMCG) referente ao ano de 2018, sob a presidência da vereadora Ivonete Ludgério (PSD). Entre as falhas apontadas está a realização de despesa considerada irregular, referente a serviços de digitalização/arquivamento de documentos, no total de R$ 198.600,00, além da verificação de credores ‘diversos’ com mesmo endereço eletrônico informado em seus cadastros de CNPJ.

Nesse caso, foi observado ainda pelo TCE-PB que “independentemente das relações de parentesco descritas e da comunhão de e-mails, endereços e telefones, só o fato de a Câmara Municipal ter promovido em 2018 despesas de aproximadamente R$ 200 mil para digitalização/digitação e arquivamento de documentos sem a realização do procedimento licitatório já caracteriza burla grave à Lei nº 8.666/93.” Com base nisso, também foi imposta uma multa a Ivonete Ludgério no valor de R$ 2 mil.

Os conselheiros que integram a Primeira Câmara, sob voto do relator Antônio Gomes Vieira Filho, também entenderam que o resultado da auditoria deve ser encaminhado ao Ministério Público do Estado da Paraíba (MPPB), para as providências que entender cabíveis. “Precipuamente em face da transgressão a mandamento constitucional (art. 29-A, §§ 1º e3º, da CF/88), do fracionamento de despesas evidenciado e do elevado número de servidores precários em relação aos efetivos”.

Também ficou determinado a representação à Delegacia da Receita Federal em Campina Grande, bem como à Secretaria de Finanças da Prefeitura de Campina Grande, em função das ocorrências envolvendo a ausência de retenção e possível não recolhimento de tributos devidos durante o ano de 2018.

 

 

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade

Notícias relacionadas

Política

O ponto facultativo do Dia do Servidor, comemorado tradicionalmente no dia 28 de outubro pela Prefeitura de João Pessoa, será transferido neste ano para...

Política

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) dá seguimento a uma nova pauta de distribuição de vacinas contra a covid-19. Nesta quarta-feira (20), serão...

Política

A Prefeitura de João Pessoa começa a aplicar, nesta quarta-feira (20), a D1 em adolescentes a partir de 14 anos sem comorbidade. A campanha...

Política

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), inaugura, nesta quinta-feira (21), na cidade de São José de Piranhas (PB), o...

Copyright © 2020 js freelas.