Mersinho Lucena se reúne com ministro da Pesca para discutir melhorias na produção de camarão no estado – André Gomes
Siga nas redes sociais

Política

Mersinho Lucena se reúne com ministro da Pesca para discutir melhorias na produção de camarão no estado

O deputado federal Mersinho Lucena (Progressistas) se reuniu com o ministro da Pesca e Aquicultura do Brasil, André de Paula, nesta quinta-feira (1), em João Pessoa. Durante o encontro, eles debateram o investimento do Governo Federal para melhorar a produção de camarão na Paraíba.

O parlamentar participou de um almoço, que também contou com a presença do superintendente Federal da Pesca e Aquicultura da Paraíba, Pablo Gouveia, o secretário de Estado do Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca, Joaquim Hugo Vieira, a vereadora de Campina Grande, Eva Gouveia. Eles também visitaram a empresa Camar Camarao Maricultura Ltda, que fica no bairro de Mandacaru, na Capital.

Mersinho destacou o apoio solicitado ao ministro, durante a reunião, para a Associação dos Carcinicultores da Paraíba (ACPB), que fica no município de Itabaiana. O deputado garantiu uma emenda para melhorar a produção do camarão, incluindo também o levantamento das áreas potenciais do Estado. Ele conta com o apoio dos governos federal e estadual.

“O Ministério vai dar todo apoio, e eu me comprometi com a cooperativa de encaminhar um emenda para a construção da indústria. O Governo do Estado está no processo para fazer a doação do terreno e a minha emenda vai contemplar principalmente os pequenos produtores de camarões e peixes, que hoje têm que mandar toda a sua produção, que muitas vezes é adquirida por atravessadores, que faz com que o preço não seja justo, e encaminham para Pernambuco para que sejam beneficiados lá. Daí acontece que ficam os empregos e os impostos para o estado de Pernambuco”, explicou Mersinho.

O parlamentar também ressaltou que dialogou com o ministro André de Paula a retomada da exportação dos camarões brasileiros no mercado internacional, com a reabertura do mercado de camarão da União Europeia e, de forma mais imediata, do emergente mercado importador de camarão da China.

“Há 20 anos o Brasil chegou a exportar $225 milhões por ano. Já no ano passado, exportou somente $1,5 milhão. Então, a gente precisa retomar essa questão da exportação dos camarões com o apoio do Governo Federal, do Ministério da Pesca, para que possamos fomentar ainda mais essa produção no nosso estado, que é a terceira maior do Brasil e tem potencial para ser a primeira, devido a qualidade da água, pela questão do sol e a produção que hoje conseguimos entregar dentro dos nossos viveiros”, disse Mersinho.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove − oito =

Publicidade
Publicidade

Notícias relacionadas

Política

As repartições estaduais terão ponto facultativo na próxima sexta-feira (8), feriado religioso municipal em João Pessoa – dia consagrado à Nossa Senhora da Conceição...

Política

O governador João Azevêdo visita, nesta segunda-feira (4), o município de Pocinhos, onde inspeciona obras realizadas pelo Governo da Paraíba nas áreas de saúde...

Política

A secretária de Finanças de São José de Princesa, Rúbia Matuto, se colocou oficialmente, neste sábado (2), como pré-candidata a prefeita de Princesa Isabel...

Política

O deputado estadual Jutay Meneses (Republicanos) destacou nesta sexta-feira (1º) o início do período de defeso na Paraíba instituído pelo Decreto 210/2008 do Instituto Brasileiro do Meio...

Copyright © 2023 Feito com JS Dev.