No Canadá: Camila Toscano é eleita presidente da Rede de Mulheres Parlamentares das Américas – André Gomes
Siga nas redes sociais

Política

No Canadá: Camila Toscano é eleita presidente da Rede de Mulheres Parlamentares das Américas

A deputada estadual Camila Toscano (PSDB) foi eleita, nesta terça-feira (12), presidente da Rede de Mulheres das Américas, durante reunião da Confederação Parlamentar das Américas (COPA), realizada em Quebec, no Canadá. O Brasil faz história com a eleição da deputada brasileira que terá a missão de conduzir as mulheres parlamentares das Américas a promover causas femininas e também levar os debates e a defesa da mulher para as discussões da Organização das Nações Unidas (ONU).

“Estou feliz e honrada com esta escolha. Será muito bom fazer essa integração entre as mulheres parlamentares que integram os países americanos e já com a missão de conseguir ampliar os debates e levar o nome da COPA, da Unale, do Brasil e da Paraíba para as discussões na ONU. Cada país vive uma realidade, mas todos têm um único intuito, o de garantir os direitos das mulheres”, destacou Camila que está no Canadá representando a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) e a União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale).

A Rede de Mulheres Parlamentares das Américas reúne mulheres membros das assembléias parlamentares dos Estados unitários, federais e federados, dos parlamentos regionais e das organizações interparlamentares das Américas. A Rede tem desenvolvido, desde 1999, uma perícia em determinadas temáticas próprias à mulher do continente e em temáticas que os parlamentares têm condições de agir.

Os objetivos da Rede são: incentivar a representação e a ação das mulheres nos Parlamentos das Américas, estimular as trocas de experiências entre estas últimas e promover a solidariedade entre as mulheres em geral; zelar para que os parlamentares, homens e mulheres, considerem os direitos e as solicitações das mulheres tendo em perspectiva do respeito dos Direitos Humanos e uma melhor distribuição das riquezas; e apoiar a participação das mulheres nos Parlamentos das Américas e criar mecanismos de comunicação das atividades das mulheres parlamentares.

A Rede realiza uma Reunião Anual, de preferência durante a Assembléia Geral da Confederação Parlamentar das Américas. De fato, a Rede atua em estreita colaboração com a COPA, permanecendo entretanto autônoma quanto à organização de diferentes eventos organizados pela COPA.

A deputada baiana Ivana Bastos comemorou a escolha de Camila Toscano como presidente da Rede de Mulheres Parlamentares das Américas. “Estou muito orgulhosa em ter uma paraibana à frente da Rede de Mulheres. Vai nos representar em toda a América. É o Brasil e a Unale fazendo história na Copa”, afirmou.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 4 =

Publicidade
Publicidade

Notícias relacionadas

Política

O governador João Azevêdo recebeu, nesta quinta-feira (23), em João Pessoa, o embaixador de Portugal no Brasil, Luís Felipe Faro, ocasião em que apresentou...

Política

As principais regras para as Eleições municipais deste ano serão abordadas no Workshop Eleições 2024, que será realizado no próximo dia 28 de maio,...

Política

O Tribunal de Contas do Estado vai criar um grupo de trabalho para analisar os indicadores do Estado em relação ao alto índice de...

Política

O governador João Azevêdo anunciou a antecipação do pagamento da primeira parcela do décimo terceiro salário para todos os servidores públicos estaduais, que será...

Copyright © 2023 Feito com JS Dev.