Programa de inovação para startups tem inscrições abertas em João Pessoa – André Gomes
Siga nas redes sociais

Cotidiano

Programa de inovação para startups tem inscrições abertas em João Pessoa

A Hapvida NotreDame Intermédica lançou, no Centro de Convenções de João Pessoa, nesta quinta-feira (6), a terceira edição do Explora – programa de inovação aberta que pretende atrair startups de todo o país para encontrar soluções para problemas do ecossistema de saúde. As inscrições já podem ser feitas pelo link https://bit.ly/InscricaoExplora2024 e vão até 5 de julho.

O lançamento ocorreu durante o NEon, evento de inovação e empreendedorismo do Nordeste, realizado pelo Sebrae. A head de Inovação Aberta da Hapvida NDI, Ana Carolina Cândido, e a coordenadora de Inovação, Mayumi Ito, apresentaram o programa, que chega à sua terceira edição e tem o objetivo de impulsionar novas ideias para fortalecer o ecossistema da saúde.

“Grandes empresas desempenham um papel crucial no fomento à inovação e no fortalecimento da cadeia empreendedora. Além de incentivar o surgimento de novas ideias, impulsionamos o desenvolvimento de pequenas empresas. Isso não só revoluciona a saúde, mas promove uma melhoria no ambiente de desenvolvimento e tecnologia”, pontuou Mayumi Ito, que participou do painel: “Inovação e saúde: o papel das startups e das grandes empresas”.

Desafios

Nesta edição, os inscritos devem apresentar soluções para três desafios: automação de contratos, simulação de práticas assistenciais e otimização de performance da farmácia hospitalar. As startups escolhidas vão receber até R$ 30 mil para arcar com os custos.

Ana Carolina Cândido explicou que a capital paraibana foi a escolhida para sediar o pontapé inicial da nova edição do programa por ser nordestina como a Hapvida NDI, que iniciou suas atividades em Fortaleza e hoje é a maior empresa de saúde da América Latina.

Explora

Lançado em 2020, o Explora é um canal para a Hapvida NotreDame Intermédica conhecer e se conectar com startups, reunindo mentes empreendedoras em um ambiente propício à inovação. A partir dele são encontradas soluções disruptivas que aprimoram a maneira de entregar o cuidado de saúde aos beneficiários.

A fase de pilotos dura cerca de três meses. As startups escolhidas recebem até R$ 30 mil para arcar com os custos. “A jornada é rápida e exige bastante da startup, por isso precisa de robustez tecnológica e que a solução esteja pronta, para que a gente consiga conectar com a realidade da nossa empresa, que tem cerca de 68 mil colaboradores”, comentou Ana Carolina Cândido.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − um =

Publicidade
Publicidade

Notícias relacionadas

Cotidiano

O Sistema Nacional de Emprego na Paraíba (Sine-PB), a partir desta segunda-feira (17), disponibiliza 435 vagas de emprego em 10 municípios paraibanos. Em João...

Cotidiano

A nova lei de licitações e a sua aplicação para os editais de contratação dos serviços de comunicação estiveram em discussão nesta quarta-feira (14)...

Cotidiano

Linda Carvalho e Sérgio Montenegro receberam a missão de comandar o projeto da Record Tv, que vai mostrar ao vivo, para todo o Nordeste,...

Cotidiano

A junina Fogueirinha, do bairro de Cruz das Armas, é a campeã do Festival de Quadrilhas Juninas de João Pessoa 2024. O resultado foi...

Copyright © 2023 Feito com JS Dev.