Thiago defende adoção de níveis de risco da pandemia e formação de Comitê para retomada da economia – André Gomes
Siga nas redes sociais

Política

Thiago defende adoção de níveis de risco da pandemia e formação de Comitê para retomada da economia

Para o vereador, o processo deve ser acompanhado diariamente, pois dependendo da fase em que a cidade esteja, pode-se voltar a tomar medidas mais restritivas

Foto: Divulgação

O vereador de João Pessoa, Thiago Lucena (PRTB) defendeu que o poder público inicie o planejamento de ações que garantam a retomada da economia. Nas redes sociais, o vereador sugeriu uma série de medidas, entre elas, a adoção de níveis de risco da pandemia e a formação de um Comitê, para acompanhar o processo gradativo do retorno das atividades no momento oportuno, observando as medidas de segurança e o mais importante, a preservação de vidas. Thiago defende o planejamento de ações que possam garantir a abertura gradual do comércio desde 25 de março, quando comentou a respeito no twitter.

“Alguns princípios, ao meu ver, devem nortear este plano, como a preservação de vidas como principal objetivo. Decisões através de dados e evidências, para que não haja uma flexibilização desordenada, com desrespeito aos critérios e cuidados da saúde. Hoje, nós estamos trabalhando para conter o avanço da pandemia, o que de fato é a primeira coisa a se fazer, mas depois qual o próximo passo? Planejar o pós”, destacou Thiago.

O vereador sugeriu a criação de níveis de risco da situação da pandemia em João Pessoa, como por exemplo: Zona vermelha: quando estamos com numero elevado de casos e alta ocupação dos leitos de UTI; Zona amarela: quando os números estiverem estáveis e tenha uma ocupação adequada dos leitos de UTI; e a Zona verde: quando tivermos baixo número de casos, baixa ocupação dos leitos de UTI, testes em massa disponível.

“Este processo deve ser acompanhado diariamente, pois dependendo da fase em que a cidade esteja, pode-se voltar a tomar medidas mais restritivas se necessário. E os setores a serem liberados deverão obedecer a um critério de risco de saúde do setor, analisando o risco de contágio versus a vulnerabilidade econômica do mesmo”, observou o parlamentar.

Para Thiago, é essencial que os critérios sejam respeitados, havendo uma responsabilidade mútua, entre o poder público monitorando a disseminação da doença, a capacidade do sistema de saúde, com a capacidade de testagem em massa para a população, e por sua vez, a sociedade e economia, respeitando as restrições sociais para cada fase e o protocolo de saúde e higiene em seus locais de trabalho, adaptáveis a cada setor da economia.

Comitê

Sobre a criação de um Comitê gestor para a retomada gradual, Thiago disse que é extremamente necessário o acompanhamento diário por uma equipe que seria formada por setores da sociedade civil, representantes de entidades e profissionais renomados, como forma de transparência e colaboração nas decisões.

Para ele, todo plano precisa de dados e informações, portanto, é essencial a participação da Prefeitura de João Pessoa. “Os dados e o cenário em que nos encontramos, asseguram as tomadas de decisão. Como por exemplo: As curvas de projeção de novos casos, a taxa de ocupação dos leitos, a taxa de isolamento social, pois nós precisamos sim, fazer a nossa parte, e não podemos deixar de ter uma analise da aceleração ou não da pandemia, versus a diminuição ou não da dos índices da economia”, disse.

Orientações

O vereador também destaca que os protocolos devem seguir as medidas recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e adotadas por outros países que já iniciaram o processo de retomada econômica. “Devem ter protocolos padrões e também deverão ter protocolos específicos por setor, tendo como base ações vinculadas ao distanciamento social, higiene pessoal, proteção individual, sanitização de ambientes, comunicação adequada, e monitoramento”, afirmou.

Com todas as medidas de segurança adotadas, e mais outras sugestões que possam surgir, Thiago Lucena disse que o objetivo é diminuir a curva da pandemia, garantindo o aumento a curva da economia. “Com organização, planejamento e tomadas de decisões baseadas em dados, nós teremos uma retomada mais rápida para todos, e assim venceremos esta batalha, com a graça de Deus!”, afirmou.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete + 11 =

Publicidade
Publicidade

Notícias relacionadas

Política

O deputado estadual paraibano, Jutay Meneses (Republicanos), é um dos 100 parlamentares brasileiros a participarem Pan American Freedom Forum 2024, em Washington, nos Estados...

Política

A prefeita de Bayeux Luciene Andrade Gomes Martinho tem prazo de 15 dias para justificar valores atinentes ao contrato administrativo nº 0152/2022 firmado com...

Política

Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação dentro da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) ganharam papel de destaque dentro da Carta Programa apresentada pela Chapa I –...

Política

O presidente da Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup), George Coelho, parabenizou as prefeituras participantes e vencedoras do Prêmio Sebrae Prefeitura Empreendedora...

Copyright © 2023 Feito com JS Dev.