Após maior queda dos últimos 20 anos do comércio, vereador defende reavaliação do plano de retomada – André Gomes
Siga nas redes sociais

Política

Após maior queda dos últimos 20 anos do comércio, vereador defende reavaliação do plano de retomada

Dados do IBGE mostram que comércio brasileiro despencou 16,8% em abril diante dos impactos da pandemia da Covid-19

O vereador e presidente da Frente Parlamentar de Inovação e Empreendedorismo da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), Thiago Lucena (PRTB), defende que a Prefeitura da Capital reveja algumas etapas do Plano de Retomada da Economia para que possa garantir a antecipação de reabertura de setores do comércio, previstas apenas para a terceira etapa. Para o parlmentar, algumas decisões precisam ser analisadas para que não leve o setor ao colapso. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgados nesta terça-feira (16) mostram que comércio brasileiro despencou 16,8% em abril diante dos impactos da pandemia da Covid-19, a maior queda dos últimos 20 anos.

“Precisamos rever algumas decisões do decreto para que alguns setores possam antecipar a abertura para a segunda fase, uma vez que estão programadas para a terceira. Estamos perto de um colapso no comércio da cidade, visto que o prazo da Medida Provisória 936 acabou. Não existe qualquer possibilidade de manter o comércio fechado por mais um ou dois meses, pois os empreendimentos estarão fadados a não conseguir mais reabrir”, destacou.

Esta é a terceira queda consecutiva do indicador, segundo o IBGE. O resultado de abril foi influenciado, principalmente, pelo recuo nas vendas de tecidos, vestuário e calçados (-60,6%), seguido de Livros, jornais, revistas e papelaria (-43,4%) e Outros artigos de uso pessoal e doméstico (-29,5%). Todos os ramos de atividade pesquisados pelo IBGE sofreram quedas, até os setores considerados essenciais durante a pandemia, como Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (-11,8%).

Home Care

Observando os dados e a realidade em João Pessoa, Thiago Lucena defendeu um diálogo mais aprofundado entre a Prefeitura e o setor produtivo. Também voltou destacar a utilização do sistema Home Care de empresas existentes na capital paraibana, como ação de combate à Covid-19. A proposta apresentada pelo vereador e aprovada pela CMJP tem por finalidade promover desocupação dos leitos do sistema público de saúde municipal.

“A ideia é que pacientes, sem sintomas da Covid-19, obedecendo a avaliações e recomendações médicas de cada caso, obviamente, e com o consentimento deles, possam concluir a recuperação de sua saúde em suas residências e, assim, passando a ofertar mais vagas nos hospitais públicos de João Pessoa para o tratamento de pacientes acometidos pelo coronavírus”, explica Thiago.

Etapas da Flexibilização

O primeiro momento de flexibilização foi iinicado na segunda-feira (15) com o funcionamento integral dos serviços essenciais. O comércio atacadista, fundamental no abastecimento de outros setores, segue aberto. Construção civil, concessionárias, revendas de veículos e locadoras, além de empresas de assistência técnica, poderão funcionar, seguindo as regras de prevenção. No sistema de delivery e drive thru poderão atuar as lojas de material de construção, serviços de alimentação, óticas e estabelecimentos de varejo. Salões de beleza podem receber um cliente por vez, sempre a partir de agendamento, sem filas. Igrejas podem ser reabertas com apenas 30% dos fiéis.

Como medidas preventivas e forma de preservar o isolamento social, o transporte público seguirá temporariamente suspenso, assim como escritórios de profissionais liberais, serviços públicos não essenciais e a circulação em praias, parques e praças. Feiras livres, comércio ambulante, academias de ginástica, museus, teatros e cinemas, além de atividades presenciais de educação, também seguem fechados. As etapas 2, 3 e 4 serão implementadas com base nos indicadores de saúde, até que a Capital complete o retorno integral à nova normalidade.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade

Notícias relacionadas

Política

A Prefeitura de João Pessoa segue, nesta terça-feira (19), sua campanha de vacinação contra a Covid-19 iniciando a imunização da terceira dose em idosos...

Política

A chapa Atitude OAB – que disputa o comando da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Paraíba (OAB-PB) – foi registrada nesta segunda-feira (18)....

Política

O deputado estadual Cabo Gilberto Silva (PSL)  que ingressou, nesta segunda-feira (18), com uma ação no Superior Tribunal de Justiça (STJ) para suspender os...

Política

Nesta segunda-feira (18), a Paraíba divulgou o primeiro boletim diário de atualização sobre Covid-19 sem o registro de óbitos. Foram 580 dias desde o...

Copyright © 2020 js freelas.