Mês das ‘confras’: nutricionista dá dicas para aproveitar sem exageros – André Gomes
Siga nas redes sociais

Cotidiano

Mês das ‘confras’: nutricionista dá dicas para aproveitar sem exageros

O mês de dezembro é repleto de celebrações. Além do Natal e do Ano Novo, o último mês do ano é também o momento de confraternizações de trabalho e reuniões informais entre amigos. Os eventos são marcados pelas comidas variadas e nem sempre saudáveis, o que pode trazer uma dificuldade em manter hábitos equilibrados nesse período. Ainda assim, é possível aproveitar as comemorações sem passar do ponto e sem temer a balança após a temporada de encontros.

O segredo é cuidar da alimentação principalmente nos momentos habituais da rotina. A nutricionista da Hapvida NotreDame Intermédica, Ruth Pereira, explica que o planejamento alimentar pode evitar situações de exageros ou de restrição total.

“Muitas pessoas pensam que se preparar ao longo do dia é ficar em jejum por longas horas para ‘aproveitar’ o evento. Não é preciso fazer isso. Você deve se alimentar de forma habitual, porque, no momento da confraternização, vai fazer escolhas mais conscientes”, orientou.

Durante os comes e bebes, nem sempre as opções são as mais saudáveis, mas é possível fazer uma boa filtragem na hora de montar o prato. A especialista sugere a seleção de alimentos mais naturais, artesanais e integrais, além de saladas e de carnes magras, assadas e grelhadas. Muito além dos benefícios estéticos, esses itens fazem bem ao corpo e à saúde.

Já a fritura, por exemplo, deve ser consumida com moderação e, se possível, evitada, assim como alimentos gordurosos em geral. “Eles podem inflamar o corpo, trazer danos à saúde e desenvolver doenças, principalmente as crônicas”, alertou.

A nutricionista lembra, ainda, que, apesar das delícias e variedades postas à mesa, os encontros de dezembro vão além da comida. Assim, o foco deve ser distribuído com sabedoria. “São ocasiões para socializar, ver pessoas importantes, ter boas conversas e dar boas risadas”, assegura.

Em caso de dificuldade para conseguir um equilíbrio e viver o mês de dezembro sem excessos alimentares, Ruth sugere a consulta com um nutricionista. O profissional fará uma orientação individualizada e traçará uma estratégia alimentar conforme as preferências e as possibilidades do paciente.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × três =

Publicidade
Publicidade

Notícias relacionadas

Cotidiano

O maior circuito de corrida de rua da América Latina em número de provas, o Santander Track&Field Run Series realiza no próximo domingo (03)...

Cotidiano

O atual diretor do Complexo Pediátrico Arlinda Marques, Daniel Gonçalves, recebeu uma homenagem da Escola de Saúde Pública da Paraíba (ESP-PB), vinculada à Secretaria...

Cotidiano

O empresário Antônio Inácio da Silva Neto, foi preso pela polícia na Argentina próximo a um condomínio de luxo onde estava morando. A esposa,...

Cotidiano

A Associação de Mídia Digital (Amidi) publicou nota de pesar, lamentando a morte, neste domingo (25), em João Pessoa, do jornalista Agnaldo Almeida. Profissional...

Copyright © 2023 Feito com JS Dev.