Presidente da Comissão de Esporte emite nota repudiando racismo contra Vini Jr e pede medidas para evitar novos casos – André Gomes
Siga nas redes sociais

Política

Presidente da Comissão de Esporte emite nota repudiando racismo contra Vini Jr e pede medidas para evitar novos casos

O deputado estadual e presidente da Comissão de Juventude, Esporte e Lazer da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), repudiou os ataques racistas sofridos pelo jogador de futebol Vinicius Junior durante uma partida no último domingo.

Em nota, assinada também pela presidente da Unale, Ivana Bastos, Tovar se solidariza com o jogador. “O evento foi um ataque não somente a um cidadão, mas sim a todos aqueles que lutam por uma sociedade mais justa e igualitária”, diz trecho do documento.

A Unale pediu ainda que sejam tomadas medidas céleres para identificação e punição dos responsáveis pelos atos racistas e criminosos, e ressaltou a importância de reforçar a necessidade de serem tomadas atitudes concretas para evitar novos episódios.

Consequências

O comitê formado por La Liga, Federação Espanhola de Futebol e o Conselho Superior de Esportes decidiu anular a expulsão do brasileiro, que além de ter sido hostilizado, foi punido com cartão vermelho no jogo em que foi vítima de atos racistas.

O comitê também decidiu fechar por cinco jogos o setor atrás de um dos gols em que saíram os gritos, além de ter multado em 45 mil euros o clube. Três torcedores também foram presos pela polícia espanhola, mas foram liberados após prestar depoimento. O árbitro que recomendou a expulsão de Vini será demitido, conforme imprensa espanhola.

Confira nota na íntegra

A União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale) em nome da presidente Ivana Bastos (BA), do presidente da Comissão de Juventude, Esporte e Lazer,Tovar Correia Lima (PB), e como representante dos Parlamentos e dos parlamentares estaduais brasileiros, manifesta-se em repúdio aos ataques racistas sofridos pelo jogador de futebol Vinícius Júnior durante a partida Valencia x Real Madrid, ocorrida na Espanha, na tarde de domingo.

Desta forma, a entidade manifesta-se em solidariedade ao futebolista e todos que se sentiram afetados pelo ocorrido. O evento foi um ataque não somente a um cidadão, mas sim a todos aqueles que lutam por uma sociedade mais justa e igualitária.

Por isso, a Unale espera que sejam tomadas medidas céleres no que se refere à identificação e culpabilidade dos responsáveis, além de reforçar a necessidade de que sejam tomadas atitudes concretas no sentido de que se evitem novos episódios.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × quatro =

Publicidade
Publicidade

Notícias relacionadas

Política

Trinta e seis municípios da Paraíba têm o número de contratações por excepcional interesse público maior do que o número de servidores efetivos. Em...

Política

O Grupo de Trabalho de Prevenção e Combate à Violência Política de Gênero do Ministério Público Federal (MPF) acompanha em todo o país cerca...

Política

Os pequenos negócios da Paraíba fecharam o período do quadrimestre de 2024 com o saldo de 7.325 novos postos de trabalho no mercado. O...

Política

O governador João Azevêdo participou, virtualmente, da 33ª reunião ordinária do Conselho Deliberativo (Condel) da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), ocasião em que...

Copyright © 2023 Feito com JS Dev.